Imagem capa - Limite entre arte e pornografia  por Xandre Aldred

Limite entre arte e pornografia

O nu é relacionado com a arte desde a antiguidade, povos como os gregos eternizavam os seus heróis em estátuas. Já os indígenas de diferentes tribos costumavam pintar o próprio corpo semi-nu em datas importantes, Já os maias, incas e astecas retratavam seus heróis e heroínas em corpos semi-nus em pinturas. 

No entanto, hoje, erroneamente parte da população tende a relacionar a nudez com a pornografia, devido a forma que o sexo é visto pelas religiões e também pelo apelo da indústria da pornografia.

A nudez no decorrer da história 

Até a Idade Média era comum que a nudez fosse retratada em diferentes obras de artes. Homens e mulheres lutavam bravamente para terem a imagem nua ou semi-nua imortalizada. Os deuses eram pintados sem roupas. Para essas civilizações, o sexo era considerado como algo sagrado, um verdadeiro encontro de almas com o divino. 

Porém, com a chegada da Idade das Trevas, a Igreja passou a ver o sexo como algo demoníaco, e a nudez foi duramente reprimida.  

Contudo, em pleno século 21, ainda há pessoas que levam em conta a visão deturpada da nudez e deixam de realizar um ensaio sensual, devido a pensamentos conservadores advindos da Idade Média. 

A indústria da pornografia

A indústria da pornografia chega para dar opção às pessoas que desejam pagar para terem prazer. No século XIX as primeiras fotos de mulheres nuas passaram a ser comercializadas. A revolução industrial fez com que essa 'febre' se tornasse uma indústria lucrativa que hoje gira em bilhões de euros. 

Com a internet houve outro boom da pornografia. Revistas populares como a Playboy perderam espaço para os sites que agora ofereciam um conteúdo ainda mais real de graça e ganhavam dinheiro com os anúncios. 

Eu sei que a história está interessante, mas afinal, qual a diferença da pornografia para a nudez artística?

A nudez artística

Na nudez artística, não existe lucro, ou seja ninguém vai ganhar dinheiro com as suas fotos. O objetivo não é movimentar e o mercado, e sim satisfazer a mulher. 

O ensaio sensual resgata a visão da nudez advinda dos povos da antiguidade. Que retrata o nu de forma natural artística. 

A pornografia usa a nudez para agradar outras pessoas, já a nudez artística é feita para satisfazer a mulher que está tirando as fotos. Portanto, todas as poses, a vestimenta e o local, serão escolhidos por quem vai fazer o ensaio. 

Para isso, é fundamental marcar uma reunião com o fotógrafo para acertar todos os detalhes. Afinal, o ensaio sensual é uma demostração de amor pelo seu corpo, por isso, tudo deve estar perfeito! 

Utilize o blog e as redes sociais caso deseje marcar uma reunião comigo sobre o seu ensaio sensual!